Mais de 70 mil novas armas são registradas a cidadãos em 2020

Dados da PF (Polícia Federal) mostram que o Brasil já teve, apenas neste ano, registro de mais 105 mil armas novas. Além de já ter superado o número de todo o ano de 2019, chama a atenção o aumento na categoria “cidadãos”, que, em comparação ao mesmo período de 2019, já tem mais de o dobro de registros, com 70 mil.

Segundo o levantamento da PF, são 105.603 novas armas registradas no total entre janeiro e agosto, enquanto todo o ano de 2019 teve 94.064.

Na categoria cidadão, 2019 teve registro de mais de 31 mil novas armas. Agora, já são 70.759.

Na reunião ministerial de 22 de abril, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), encorajou a população a se armar. Segundo ele, a população, quando armada, “jamais será escravizada”.

“Olha como é fácil impor uma ditadura no Brasil. Por isso eu quero que o povo se arme, a garantia de que não vai aparecer um filho da puta e impor uma ditadura aqui. A bosta de um decreto, algema e bota todo mundo dentro de casa. Se ele tivesse armado ia para rua. Se eu fosse ditador, eu desarmava como fizeram todos no passado”, afirmou Bolsonaro, dirigindo-se ao ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e ao ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, presentes na reunião.

Fonte: UOL

Sobre o Autor

Caio Lausi
Fundador e Editor do Portal Armas de Fogo e Diretor do Instituto Defesa no Estado de São Paulo.